Em primeiro lugar, que história é essa do pessoal do mensalão trabalhar?
Bom, quem está preso no regime semiaberto tem direito a arranjar um emprego. Os réus condenados do mensalão que tiveram direito a esse regime, como o José Dirceu e o Delúbio Soares, estava, usando esse direito.

Entendi. E o Barbosa acabou com a festa, não é?
O Presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Joaquim Barbosa, entendeu que eles ainda não têm esse direito.

Por que eles são corruptos?
Não. Porque para o Barbosa, eles têm que cumprir pelo menos um sexto da pena para ter esse direito.

Então por que eles já estavam trabalhando?
Porque existem interpretações diferentes a respeito desse assunto. Existem juízes que acham que só o fato de a pessoa estar no regime semiaberto já dá a ela o direito de trabalhar. Outros, como o Barbosa, acham que não, que a pessoa precisa antes cumprir um sexto da pena antes.

Como assim? Cada juiz diz uma coisa?
Não é que cada um diga uma coisa. Nesse assunto existem precedentes que podem embasar os dois tipos de decisão que eu acabei de citar. O Direito é assim mesmo: existem várias maneiras de entender um assunto.

Saiba mais:
UOL: Joaquim Barbosa revoga o trabalho externo de Delúbio Soares
G1: Sete condenados do mensalão devem ter trabalho revogado