(Foto: Shawn Semmler/Creative Commons)

O que está acontecendo nos Estados Unidos? Por que as pessoas estão protestando?

Aconteceu o seguinte: a polícia de Ferguson, no estado do Missouri, matou um adolescente negro chamado Michael Brown no dia 9 de agosto. Desde então, protestos têm acontecido diariamente.

Por que a polícia matou Michael Brown?

Ainda não se sabe. As investigações não conseguiram descobrir o que aconteceu exatamente e o que motivou o policial Darren Wilson a disparar. O que se sabe é que Brown não estava armado e que os oficiais o pararam porque ele estava andando no meio do rua.

Mas por que as pessoas ficaram bravas com este caso? O que as levou a protestar?

A polícia está sendo acusada de ter agido de maneira racista ao atirar em Brown. Primeiro, como eu já disse, porque ele estava desarmado. Segundo, porque agora se sabe que o adolescente levou seis tiros.

Os protestos são violentos? São parecidos com o do Brasil do ano passado?

Bom, eles têm ficado cada vez mais violentos, tanto do lado dos manifestantes, quanto da polícia. Os primeiro protesto aconteceu no dia da morte de Brown, perto de onde ele morava. Ao longo dos dias, no entanto, eles têm crescido. No dia 10 de agosto aconteceram até alguns saques a lojas. Não são tão parecidos com o do Brasil porque tem sido menores. Mas a mídia mostrou que a polícia local tem usado balas de borracha, bombas de lás lacrimogênio e efeito moral para dispersar as manifestações, mesmo quando elas são pacíficas. Além disso, jornalistas foram agredidos e presos pelos oficiais.

O que o governo local fez para resolver essa situação?

O governador do Missouri declarou estado de emergência e impôs um toque de recolher para tentar acalmar os ânimos na cidade. Mas isso não funcionou e os protestos continuam. Hoje, 18 de agosto, o governador convocou a Guarda Nacional para ajudar a conter a violência.

Saiba mais:
– Entenda o caso Michael Brown (O Povo)
– 11 coisas que você deveria saber sobre o caso (Vox, em inglês)
– Morte de adolescente negro acirra tensão racial nos EUA (Carta Capital)
– Governador mobiliza Guarda Nacional (EBC)
– Ferguson tem noite mais violenta desde o início dos protestos (DW)

 

 

 

2 comentários