Texto: Ariadne Bognar
Imagem: José Cruz/Agência Brasil

Os portais de notícia estão falando de João Havelange. Quem foi ele?

Havelange foi presidente da Fifa de 1974 a 1998 e morreu nesta terça-feira (16) aos 100 anos. Foi um personagtem controverso. Teve muito poder e ajudou o futebol a se espalhar por todo o mundo e a tornar a Copa do Mundo em dos maiores eventos globais. Mas também foi acusado de se envolver em esquemas de corrupção e de colocar os negócios acima da ética.

Em que esquema de corrupção ele se envolveu?

Ele foi acusado de ter recebido propinas milionárias da ISL, empresa de marketing esportivo que trabalhava para a Fifa e faliu na década de 90. Segundo as acusações, a ISL pagava a Havelange para ter benefícios nas negociações comerciais de eventos da entidade que comanda o futebol mundial.

É verdade que ele foi indicado ao Nobel?

Ele foi cotado para receber uma indicação ao Nobel da Paz, mas nunca chegou a ser indicado de fato. Havelange tinha iniciativas filantrópicos pelo mundo.

Por que Havelange foi importante?

Ele foi o único presidente não europeu da história da Fifa, dobrou o número de seleções que participam da Copa do Mundo, criou os Mundiais de categorias juniores e aumentou a participação de países mais pobres na gestão da federação.

Também vi que existem muitas críticas a ele. Por quê? 

Principalmente por seu envolvimento em casos de corrupção. Segundo a Folha de S.Paulo, “ele e Ricardo Teixeira, seu ex-genro e então presidente da CBF, receberam propinas milionárias em vendas de direitos de mídia de torneios da Fifa – cerca de R$ 45 milhões”. O Comitê de Ética da Fifa pediu a Havelange que devolvesse o dinheiro, mas isso não aconteceu.

O que mais ele foi além de presidente da Fifa?

Ele jogou futebol pelo Fluminense e competiu nas Olimpíadas de 1936 e 1952, competindo no pólo aquático.


Saiba mais:

G1: João Havelange, ex-presidente da Fifa, morre aos 100 anos no Rio
Wikipédia: João Havelange
Folha: Havelange fazia a pior espécie de política ao se dizer apolítico